Menu

Águia de Ouro comemora seu 42º aniversário com muita festa.

13 MAI 2018
13 de Maio de 2018

A Escola de Samba Águia de Ouro abriu seus portões nessa noite de sábado (12/05), para festejar o seu 42º aniversário. E quem esteve presente à festa pôde perceber uma colossal imagem de São Jorge, abençoando e dando boas vindas aos convidados e toda comunidade da Pompéia.

Foi uma grande comemoração que contou com a presença de toda sua comunidade. O evento serviu também para que a Escola homenageasse a todos os setores da Águia, que contribuíram para o excelente resultado do Carnaval desse ano. A Escola que amargou um triste resultado em 2017, que implicou em um  rebaixamento, volta novamente ao grupo de Elite do Carnaval de São Paulo.

                Outro momento de grande comoção da festa foi a despedia da rainha de bateria Cinthia Santtos, que há 12 anos estava à frente da Bateria da Águia.  

Em entrevista a nossa equipe SINTONIA DE BAMBAS,  Cinthia falou  da emoção desse  momento­_ “Essa minha  decisão não foi algo fácil... Mas essa minha saída já era algo que estava pensado e  conversado... E eu estava me preparando para esse momento.  Essa decisão já era pra ser anunciada antes, mas como a Águia foi rebaixada... Eu jamais deixaria a minha escola naquele momento... E agora que passou  aquela tempestade. Hoje é o momento de me despedir, mas eu nunca vou deixar de ser Águia de Ouro”    Em relação á gratidão, Cinthia comenta:   _”Eu só tenho a agradecer a todos vocês da Imprensa, meus amigos, minha família, minha comunidade que me abraçou há 12 anos , a minha Bateria, aos meus mestres, ao meu presidente,  enfim a todos...”. 

Finaliza a Cinthia, extremamente emocionada.

Muitas atrações fizeram parte dessa  festa,  a grande atração da noite ficou por conta do grupo paulistano na “ Palma da Mão”.

A escola que esse ano  anunciou,  há alguns  dias,  um reforço de peso  para o carnaval de  2019, o diretor de carnaval , Luís Fernando Ribeiro, o Laíla , que teve sob seu comando em 2018, a atual campeã do carnaval do Rio de Janeiro, a Beija- Flor de Nilópolis, é uma das apostas da Águia para o ano que vem.

Nossa Equipe SINTONIA DE BAMBAS conversou com o presidente Sidnei Carrioullo, que está à frente da escola desde novembro de 1981, sobre o resultado da Escola de 2017 e quais as estratégias da Águia para 2019, o presidente apontou algumas falhas e algumas ações que serão tomadas.

 Para ele o fator preponderante para o rebaixamento sofrido pela Águia em 2017 sem dúvida se  deu   pela falta de experiência de alguns  jurados daquele ano, que nunca tiveram contato com o Carnaval, e que infelizmente, em sua visão,  perderam suas imparcialidades ao se  influenciarem  por alguns grupos das  redes sócias.  O ocorrido, afirma o presidente, somente serviu para que a escola revisse alguns pontos, que acredita  que apesar de tudo, serem  positivos, como por exemplo, a força da Internet e suas redes Sociais.       O presidente se orgulha de estar à frente de uma escola, que tem uma visão ética futurista, onde a exemplo de 2006, com o Enredo “Não tem desculpa”, a escola veio com o tema polêmico para a época, Pedofilia, em um período onde a internet não era combustível desse grande mal, pois não estava ao alcance de todos.   

Para ele a maior função de uma agremiação é procurar  abordar temas  que contribuam para o senso crítico das pessoas.

Já em relação ao Carnaval de 2019, Carriuollo  mostra-se  otimista e confiante, apesar de saber das diversas dificuldades , afirma _ “Quando estávamos no grupo de acesso  sabíamos que não bastaríamos simplesmente vencer, mas acima de tudo  tínhamos que nos convencer  de que aquele grupo  não era nosso lugar... Estamos trabalhando sabendo da imensa dificuldade de se fazer Carnaval no grupo especial. Do grande  desafio de se abrir o Carnaval no sábado, mas a comunidade está bem consciente. O ocorrido  em 2017 serviu para que a escola revisse alguns pontos... estamos com um olhar mais clínico, mais voltados para os critérios de julgamento, que era uma coisa que nós não ligávamos muito, pois gostávamos de fazer espetáculo, gostávamos de fazer Carnaval, mas o resultado é o que mais pesa. Infelizmente, atualmente, o Carnaval passou a ser comparado com o futebol, não importa o grande espetáculo, mas sim o título, o gol . Temos que ir atrás da perfeição dentro dos critérios de julgamento dentro de parâmetros que foi traçado para se julgar no carnaval, e o objetivo da Águia para o  ano que vem  é ir atrás de um excelente resultado”...finaliza o presidente.

Por : Shirlei Dias

Fotos : Nelson Gariba 

Voltar