Menu

Fábrica do Samba I recebeu a presença do Ministro do Turismo e Prefeito de São Paulo para continuidade de suas obras.

28 NOV 2017
28 de Novembro de 2017

Na tarde desta segunda-feira (27), a Liga SP, responsável pela administração e organização dos desfiles das escolas de samba da cidade de São Paulo, recebeu na Fábrica do Samba I o Ministro do Turismo, Marx Beltrão, e o Prefeito de São Paulo, João Dória. 

O encontro das autoridades, ao lado do presidente da Liga SP, Paulo Sérgio Ferreira (Serginho), referiu-se à assinatura do contrato para o seguimento das obras da Fábrica do Samba I, cuja conclusão está prevista para setembro/2018. 

A última fase do complexo será ocupada por galpões de 4.500 m2 com pé direito de 17 metros e abrigará outras sete agremiações do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo. Além disso, as obras ainda preveem a construção de um museu e praça de alimentação para a visitação do público em geral. O espaço promoverá inicialmente a empregabilidade direta de 1.500 funcionários, além de 600 empregos indiretos, totalizando 2.100 contratações. 

Segundo o prefeito Dória, o investimento desta segunda fase de obras é de R$47 milhões de reais, totalizando R$167 milhões investidos na Fábrica do Samba I. Para ele, a construção deve garantir “conforto, funcionalidade e segurança” ao carnaval de São Paulo, considerado hoje o “2º maior carnaval do Brasil”.

Na ocasião, a Liga SP anunciou o slogan "Rumo ao maior Carnaval do Brasil", além de novidades para o evento do ano de 2018, entre elas o novo site e app da instituição e a abertura de venda de ingressos. 

Os ingressos começaram a ser vendidos nesta segunda-feira (27), com exclusividade para clientes Bradesco. A partir do dia 7 de dezembro, serão vendidos para o público em geral através do site ingressos.ligasp.com.br e os preços variam de R$ 30 a R$ 2.420. Valores de camarotes devem ser consultados à parte.

Redação

Fonte: LIGA

Voltar