Menu

Os filhos de Itaquera realizaram seu 2º ensaio técnico nesse feriado.

27 JAN 2017
27 de Janeiro de 2017

Na tarde de ontem (25/01), os componentes da Leandro de Itaquera realizaram o seu  2º Ensaio técnico rumo ao carnaval 2017.

A escola, que a exemplo de outras agremiações, fará uma reedição de seu samba, trouxe para o Anhembi  integrantes que mostraram muito samba no pé.  O destaque do ensaio ficou por conta da   comissão de frente, onde seus integrantes irão desenvolver movimentos  relacionados  aos deuses africanos.

O samba que novamente teremos o prazer de reouvir é o samba de 1989, Babalotim - a História dos Afoxés.  Na ocasião a escola obteve a 7ª colocação no grupo especial.

Os primeiros entrevistados que bateram um papa com o SINTONIA DE BAMBAS foi o casal de mestre sala e porta bandeira Diego Motta e Sara Araújo, casal que é “cria” da casa tiveram aulas com Karin Darling, atual vice-presidente da agremiação, e  já ensaiavam juntos.

Diego e Sara a convite da vice assumiram o pavilhão oficialmente esse ano.  Para o jovem mestre sala está sendo  uma honra defender o pavilhão da Leandro – “  Estou retornando  à Leandro após cinco anos, passei por outras  duas agremiações, e para mim está sendo um prazer defender o pavilhão Vermelho e Branco....   Sara e eu treinamos por  mais  de 10 anos  juntos, quando fazíamos escolinha com a Karin.... Antes de eu ser convidado para ser o guardião do pavilhão  ouvi que a Leandro iria reeditar o samba  Babalotim, de imediato eu enlouqueci, pois já imaginava   que seria uma emoção única..., pois a gente que foi  criado na Leandro cresceu ouvindo esse Samba.... E na  atualidade a Leandro está sendo dirigida  pelos filhos da escola.... A responsabilidade está com a gente... Estamos  torcendo para que aquela energia de 89 possa nos acompanhar na Avenida esse ano,  e que todos os Orixás possam nos abençoar. “-  finaliza Diego.

A Porta Bandeira Sara Araújo, é integrante da escola desde os 7 anos de idade, e esse ano está tendo  a oportunidade de ostentar o pavilhão da escola, para ela está sendo uma emoção ímpar, sabe da sua  responsabilidade  e disse que é  um orgulho para ela  substituir a Karin, antiga porta bandeira da escola.

Outro entrevistado por nossa equipe na dispersão da escola foi o rouxinol oficial, Daniel Colletê.  O interprete valorizou o grande clássico que é o Babalotim e disse que esse fator favoreceu o canto da escola, por ser um samba extremamente exaltado por todos os sambistas... “ Babalotim é uma grande obra, e a Leandro é uma  grande escola e essa união com certeza são coisas complementares...  Faço parte da comissão do carnaval para ajudar a Leandro nas diversas decisões , temos um propósito  em fazer que escola  suba ao grupo especial... No 1º ensaio houve alguns erros e hoje conseguimos saná-los, há pessoas  da escola na arquibancada filmando nosso ensaio para que possamos analisar os erros, a tecnologia está aí para isso. Acredito que a escola passou bem coesa na Avenida, agora vamos analisar as filmagens.-  Conclui Colletê .

O terceiro e último que veio conversar com nossa de BAMBAS  foi  Fernando Oliveira, mestre Pelé, 26 anos de Leandro e a 4 à frente da bateria.  Pelé fala sobre os desafios que a posição exige -  “ A cada ano a gente percebe que a bateria muda, muitas pessoas entram  e outras saem... Ao decorrer do tempo a bateria vai adquirindo  sua identidade... Quando meu mestre Adamastor dizia que para uma bateria ficar boa demorava em torno de quatro a cinco anos eu não acreditei, e hoje percebo que é verdade....  Perguntado em relação à ansiedade ele diz “... Enquanto eu  estiver à frente da bateria essa sensação será constante, cada ano essa adrenalina de estar à frente se intensifica, pois é uma responsabilidade muito grande e é um quesito importantíssimo pra qualquer escola...     Perguntado em relação à quantidade de ritmistas que a escola sairá na Avenida... “Infelizmente, a escola sairá com 200 integrantes e  estamos atualmente  com 240, teremos  que cortar alguns, meu critério será o mais justo possível, aqueles que não perdem nenhum ensaio terá a nossa preferência, infelizmente é assim” - lamenta e finaliza Pelé.

A Leandro fará seu último ensaio (05/02), às 22: 45hs.

Por: Shirlei Dias

Fotos: Hauana Caetano

Voltar